De médico e de louco todos temos um pouco

Todos os dias nos deparamos com aspetos que tornam o provérbio, “De médico e louco todos temos um pouco” mais contemporâneo que nunca. Quanto a ser médico todos nos permitimos a sê-lo! Todos, em algum momento, já utilizamos medicamentos por conta própria ou por indicação de pessoas próximas (ou não) não habilitadas e sem avaliação prévia de um médico. De facto, um dos temas por excelência entre duas pessoas é referente à saúde com algum tão comum como: “Como vai a saúde?” ou “Votos de felicidade e saúde”. Em relação à loucura, já Fernando Pessoa e Júlio Dinis, dois proeminentes escritores portugueses, sendo o último também um cirurgião do Norte de Portugal, já diziam que esta está longe de ser uma anomalia, e é inseparável do homem, fazendo mesmo parte da condição normal humana.

Promotor: Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar

Departamento: Microscopia

Professor proponente: Rosália Sá

Monitores: Helena Hipólito Reis, Mariana Reis dos Santos

Ano mínimo exigido: 10.º

Dimensão da turma: 16

Local de Recepção Semanal
ICBAS - Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (novo edifício ao lado do Palácio de Cristal)

Semanas em atividade:

  • 10 a 14 de Julho de 2017
  • 17 a 21 de Julho de 2017
Voltar